NOTÍCIA

A PARTIR DE 2018, TETO DO SIMPLES NACIONAL SOBE PARA R$ 4,8 MILHÕES

Foi publicada nesta sexta-feira a lei que altera as regras do Simples Nacional, elevando o teto
de faturamento anual de R$ 3,6 milhões para R$ 4,8 milhões, criando novas faixas de alíquotas, a
partir de 2018. O limite do microempreendedor individual passará a ser de R$ 81 mil anuais.
Na prática, a micro ou pequena empresa optante pelo Simples Nacional já poderá faturar até
R$ 4,8 milhões a partir de 2017 sem ser excluído do regime (art. 79-E, LC 123/2003).
Ainda, segundo a Lei Complementar nº 155/2016, foi prevista a possibilidade de prestador de
serviço do meio rural se tornar microempreendedor individual sem perder o direito aos benefícios
previdenciários e a criação de uma linha de crédito específica para micro e pequenas empresas junto
ao BNDES, além de criar a figura do “investidor-anjo”, que não precisa ser sócio para fazer
investimentos.
A lei foi publicada com 17 vetos, entre eles o que previa a criação da figura do
microempreendedor na área de crédito, sem regulamentação do Banco Central.



 
 

 
INDICADORES ECONÔMICOS

IGP-M INCC-M INPC SELIC IPCA POUPANÇA TJLP CDI
SET/15  0,95  0,22 0,51  1,11   0,54 0,69 6,50 1,11 
OUT/15  1,89  0,27 0,77   1,11  0,82 0,69 7,00 1,11 
NOV/15 1,52 0,40 1,11 1,06  1,01 0,68 7,00 1,06
DEZ/15 0,49 0,12 0,90  1,16 0,96  0,63 7,00 1,11
JAN/16  1,14  0,32  1,51  1,06  1,27 0,73 7,50 1,05 
FEV/16 1,29 0,52 0,95 1,00 0,90 0,63 7,50 0,95
MAR/16  0,51 0,79  0,44 1,16  0,43  0,60 7,50 1,16 
ABR/16 0,33 0,41  0,64 1,06  0,61 0,63 7,50 1,05
MAI/16 0,82 0,19 0,98 1,11 0,78 0,65 7,50 1,11
JUN/16 1,69 1,52  0,47 1,16  0,35 0,70 7,50 1,16
JUL/16 0,18 1,09  0,64 1,01  0,52 0,66 7,50 1,11
AGO/16 0,15 0,26 0,31 1,22 0,44 0,75 7,50 1,16
 


© 2011 Lauermann Schneider - Auditoria & Consultoria - Todos os diretos reservados - Fone 51 3067.9700
 
MAPA DO SITE